Sistema de Níveis

É um sistema de homologação das experiências e conhecimentos dos pilotos para quem é faminto por novas conquistas, deseja acompanhar sua performance no voo livre ou é impulsionado pelo aprendizado.

O objetivo do sistema de níveis é promover a qualificação e segurança do esporte, e proporcionar ao piloto um desenvolvimento escalonado e seguro. Com esse nivelamento, o piloto percorre os marcos necessários para melhorar sua performance no voo livre com segurança, além de ser uma ótima maneira de acompanhar seu desenvolvimento no esporte e contabilizar suas conquistas. Para iniciar na prática de voo livre e iniciar no sistema de níveis, é preciso ter 18 anos no mínimo. Confira uma síntese dos requisitos e prerrogativas dos cinco níveis de habilitação para pilotos presentes na Norma Regulamentar

Aluno em Instrução

O que você precisa:

  • Ter vínculo em curso ministrado por instrutores homologados da CBVL.
  • Cadastro no sistema CBVL como Aluno em Instrução. 
  • Aceite do Termo de Responsabilidade e Programa de Curso Básico.
  • Registro no Cadastro Internacional de Voo Livre (CIVL) da FAI. 
  • Vincular o Cadastro CBVL a uma conta no site XC Brasil. 

E o que você pode: 

Realizar treinamentos e voos exclusivamente sob orientação do seu instrutor CBVL e monitor homologado, quando houver, no horário e local condizentes, utilizando somente equipamentos homologados para esse nível. 

Nível 1

O que você precisa: 

  • Estar em dia com as contribuições do clube, da federação estadual e da CBVL. 
  • Ser cadastrado no sistema como Aluno em Instrução há, pelo menos, 3 meses.  
  • Receber a Declaração de Conclusão do Curso Básico fornecida por um instrutor homologado pela CBVL.
  • Ser aprovado na Prova Teórica Nível 1 da CBVL com 80% de aproveitamento. 
  • Ratificar o Termo de Responsabilidade e o Programa de Curso Concluído, assinados pelo aluno e pelo Instrutor.
  • Ter realizado 20 voos assistidos pelo Instrutor. 
  • Ser aprovado no Exame Prático Nível 1.

E o que você pode: 

Realizar voos solo atendendo às restrições gerais e limitações impostas ao piloto Nível 1, utilizando somente equipamentos homologados para iniciantes. 

Nível 2

O que você precisa:

  • Estar em dia com as contribuições do clube, da federação estadual e da CBVL. 
  • Ser habilitado Piloto Nível 1 há mais de 1 ano, ter voado no mínimo 50 horas comprovadas e em 5 diferentes sítios de voo. 
  • Ser liberado para a mudança de nível por um instrutor credenciado da CBVL. 
  • Não ter sido condenado pelo Conselho Superior por infração grave no período de 1 ano.

E o que você pode:

  • Realizar voos solo atendendo às restrições gerais e limitações impostas ao piloto Nível 2, utilizando somente equipamentos homologados para iniciante e intermediário.
  • Participar de competições dentro da sua categoria. 

Nível 3

O que você precisa: 

  • Estar em dia com as contribuições do clube, da federação estadual e da CBVL. 
  • Ser habilitado Piloto Nível 2 há mais de 2 anos, ter voado no mínimo 150 horas comprovadas e em 10 diferentes sítios de voo ou ter realizado 200km em voos acima de 30 kms (OLC). 
  • Ser liberado para a mudança de nível por um instrutor credenciado da CBVL. 
  • Não ter sido condenado pelo Conselho Superior por infração grave no período de 2 anos. 

E o que você pode: 

  • Realizar voos solo atendendo às restrições gerais e limitações impostas neste nível.
  • Participar de competições nacionais e internacionais classe 1 (Sport Class) e classe 2 (Open). 
  • Ser cadastrado como Monitor por um instrutor da CBVL.
  • Apto a realizar Curso de Voo Duplo com instrutor certificador. 
  • Voar sem restrições de equipamento. 

Nível 4

O que você precisa:

  • Estar em dia com as contribuições do clube, da federação estadual e da CBVL. 
  • Ser habilitado Piloto Nível 3 há mais de 2 anos e ter voado no mínimo 300 horas comprovadas ou ter realizado 1500Km (distância OLC), sendo que pelo menos 10 voos deverão ser acima de 50km (distância OLC);
  • Não ter sido condenado pelo Conselho Superior por infração grave no período de 2 anos. 
  • Ser aprovado em check prático realizado em curso de Segurança, SIV credenciado pela CBVL, nível Piloto, sendo este válido por 2 anos.
  • Ser aprovado em Prova Teórica Nível 4 da CBVL, obtendo 80% de aproveitamento
  • Obter a Carta de Anuência do clube a que pertence, disponibilizada no sistema CBVL.

E o que você pode: 

  • Realizar voos solo atendendo às restrições gerais e limitações impostas neste nível.
  • Participar de competições nacionais e internacionais.
  • Representar oficialmente a Equipe Brasileira em competições Classe 1 da FAI;
  • Possibilidade de requisitar habilitação de Instrutor.

Nível 5

O que você precisa: 

  • Estar em dia com as contribuições do clube, da federação estadual e da CBVL. 
  • Ser habilitado Piloto Nível 4 há mais de 5 anos 
  • Apresentar carta de indicação de, pelo menos, 3 pilotos de Nível 5.
  • Ter cumprido, no mínimo, outros 3 requisitos incluídos na Norma Regulamentar (acesse aqui)

E o que você pode: 

  • Realizar voos solo atendendo às restrições gerais e limitações impostas neste nível.
  • Participar de competições nacionais e internacionais.
  • Representar oficialmente a Equipe Brasileira em competições Classe 1 da FAI;
  • Possibilidade de requisitar habilitação de Instrutor.
  • Aptidão para emitir carta de indicação em solicitações de mudanças de níveis.

A CBVL foi aprovada pelo CIVL (Comitê Internacional de Voo Livre) e aderiu ao sistema internacional IPPI Card da FAI. Esse sistema também identifica o grau de habilidade do piloto, dando aos responsáveis pelo gerenciamento dos sítios de voo no Brasil e no exterior, uma maneira fácil de verificar o nível de experiência e habilidade do piloto antes de liberar ou não sua decolagem ou a prática profissional do Voo Livre, onde é exigida.

Por isso, todos os pilotos de Parapente e/ou Asa Delta filiados à CBVL, e em dia com o sistema confederativo, podem aproveitar as vantagens de ter a carteira de Identificação Internacional da Proficiência do Piloto - sem custo adicional. Confira a comparação do sistema de nivelamento da CBVL com a referência padrão do sistema IPPI: 

  • CBVL nível aluno: IPPI nível 1
  • CBVL nível 1: IPPI nível 2
  • CBVL nível 2: IPPI nível 3
  • CBVL nível 3: IPPI nível 4
  • CBVL nível 4: IPPI nível 5
  • CBVL nível 5: IPPI nível 5, faixa preta

Quer saber mais detalhes? Clique aqui para acessar a Norma Regulamentar completa do Sistema de Níveis com todas as informações.

Parceiros